Dona Lagarta
Plantas

Dona Lagarta




Em musiquinhas infantis tudo bem, mas no jardim não tem quem tolere a lagarta.
É admirável a vida destes lepidópteros, que passam por três metamorfoses: de larvas tranformam-se nas pavorosas lagartas, depois recolhem como crisálidas e finalmente saem voando como mariposas ou lindas borboletas.
Só que, durante o ciclo, as lagartas podem arruinar o seu jardim. É uma pena, mas você tem que acabar com elas.
Borboletas e mariposas vivem procurando plantas para depositar seus ovos. Deles nascem larvas que furam as folhas para se alimentar e depois se transformam em lagartas que, com muito mais velocidade, podem destruir uma planta forte em pouco tempo. As plantas ameaçadas variam conforme o gênero de lagarta que venha a existir em seu jardim.
As lagartas xanthopastis timais, por exemplo, atacam as amarilidáceas-açucenas, junquilho, Clívia, angélica, flor de vento, eucaria, madressilva, coroa - imperial, entre outras.
Já as lagartas brassolidas se alimentam de folhas de palmeiras e de coqueiros, organizando-se de modo muito interessante:
tecem um saco de seda em volta de um folíolo, e aí passam o dia; conforme a colônia vai aumentando, cresce o abrigo que, às vezes chega a 60 cm de comprimento. À noite, as lagartas saem em fila indiana para se alimentar, e só volta depois de saciadas, deixando um fio, onde você pode chegar aos núcleos das lagartas predadoras. O ideal, contudo, é que você detetize esses lepidópteros antes que eles saiam dos ovinhos e comecem a agir.
Faça uma pesquisa apurada nas suas plantas a partir de meados de Setembro, quando costuma aparecer os primeiros ovos no verso das extremidades das folhas. Lá pelo fim de Dezembro, começo de Janeiro, as lagartas são gênero xanthospastis timais. Nesta época estarão no máximo de seu desenvolvimento, em torno de três cm, e também no auge de sua avidez - não só destruindo as folhas como invadindo os bulbos das amadaliacelias. Nesse ponto, não há mais nada que você possa fazer por essas plantas.
O uso de inseticidas deve sempre ter acompanhamento de um profissional. Mas lembre-se o que é lagarta hoje, será uma linda borboleta amanhã.



Foto: Google Imagens
Floricultura Multiflora Fernandopolis - http://www.multifloranet.com.br



loading...


- Linda E Perigosa
Se você reparar bem em seu jardim talvez se depare com esta bela espécie de lagarta passeando sossegada por entre galhos, folhas ou vasos. A Podalia sp. é uma das mais belas lagartas de jardim, mas também uma das mais perigosas, então não se...

- Problemas No Jardim: Lagartas
LAGARTAS x JARDIM Danos provocados no jardim: Folhas e ou brotos furados ou derrubados. Como Identificar: É facilmente encontrada nas plantas. Controle: Aplicação de Calda de Fumo ou Óleo de Neen. Em caso de pequenas quantidades faça a catação...

- Borboletas E Jardins União Perfeita
Borboletas no Jardim Ter borboletas no seu jardim, assim como pássaros, é uma relação de troca. Elas alimentam-se do néctar, e em troca ajudam na polinização. Também se alimentam de frutos e da seiva que se solta de algumas árvores. As lantanas,...

- Flores Para As Borboletas
Quem nunca parou pra olhar uma borboleta se deliciando com néctar das plantas? Além de serem um colírio para os olhos, elas polinizam as flores! Algumas que consegui fotografar aqui em casa: O problema de se ter borboletas no jardim, apesar de...

- Biodiversidade No Quintal
Não usar nenhum tipo de veneno no jardim significa deixar que a vida aconteça como ela é. Está certo que como não vivemos mais em um ambiente equilibrado, com todas as espécies lutando em igualdade de condições, muitas vezes seu jardim passará...



Plantas








.