Pedagogias
Plantas

Pedagogias


Já o disse antes e volto a afirmá-lo, ninguém tem um comportamento 100 % correcto em questões de defesa do ambiente e a vida deve ser um processo de aprendizagem contínua...nesta como noutras matérias.

Eu não nasci a saber separar o lixo e também, como tantas pessoas, pensei durante muito tempo que as pessoas que podavam as árvores nas cidades sabiam o que faziam; até que alguém me ensinou "que não" e "porquê".


De bom grado, darei início ou ajudarei na divulgação de uma petição que ajude a combater a inércia reinante e tente por um travão às podas camarárias, mas sejamos realistas: lei nenhuma pode proteger todas as árvores e mesmo aquelas que estão já protegidas por lei (ao abrigo do interesse público) são muitas vezes vítimas da acção negligente do próprio Estado.

No entanto, nesta matéria, como em quase todas as que dizem respeito a questões ambientais, só se notará uma diferença significativa através da educação, nomeadamente das novas gerações. Talvez seja defeito de profissão mas ainda acredito nas virtudes da pedagogia.


Os portugueses não amam as árvores porque ninguém os ensinou a amá-las! E, pelo menos em parte, o amor pode ser ensinado.
E porque deveriam as pessoas amar as árvores, se desde pequenas as vêem arder nas florestas e condenadas ao raquitismo nas cidades por podas mal executadas (?)

É por isso que é nas escolas que, nesta como em tantas outras questões, se joga o futuro...Não quero abrir com este texto nenhum processo de intenções, nem que este assuma um tom inquisitorial ou fazer julgamentos públicos. No entanto, ninguém está acima da crítica construtiva; não tenho problemas em admitir que também eu, como cidadão e professor, podia fazer mais pelo ambiente e pelas árvores...


É por isso que, sem sobrancerias mas com humildade, apelo aos meus colegas, sobretudo aos professores de ciências, para evitarem a mutilação das árvores nas escolas portuguesas. Não se pode pregar a defesa das árvores dentro da sala de aula, inclusive comemorar o Dia da Árvore, e depois permitir que se faça, fora da sala, o que a seguir retrato com fotografias.


Tem que existir uma consequência entre a palavra e a acção. Como disse a Manuela Ramos no Dias sem Árvores:"...de pequenino se torce o pepino e as criancinhas "são obrigadas" a conviverem com este espectáculo desde os bancos da Escola. Não admira que mais tarde façam o que viram fazer. Uma tristeza."


Deixo a seguir algumas imagens (da Escola Básica e Secundária das Palmeiras, da Básica Pêro da Covilhã e ainda do Infantário da Stª. Casa da Misericórdia da Covilhã), não tanto numa óptica de julgamento público, mas sobretudo para que se reflicta e se comece a combater esta prática errada, de dentro para fora das escolas. Vamos começar hoje a mudar, obrigado.























loading...


- Manifesto Pela árvore Na Cidade
Comemorou-se a 21 de março mais um Dia da Árvore. Por certo que se plantaram muitas árvores e muitos discursos de amor à árvore foram feitos nesse dia. Ano após ano, continuam a plantar-se muitas árvores, nem sempre as espécies adequadas, nem...

- Um Dia Para As Bolotas
Origem da imagem - bologta, a bolota que tem um blog Quem me conhece saberá que, em matéria de maus tratos às árvores, poucas coisas me enfurecem tanto como vê-las maltratadas em ambiente escolar. Em parte, por ser professor, mas, sobretudo, porque...

- As Escolas Do Futuro?
Escola de Mouriz (Paredes) - Fotografia retirada da página archdaily.com A escola de Mouriz, em Paredes, pode ser bonita e amiga do ambiente. Mas, como muitas outras escolas por esse país fora, não tem espaço para as árvores. Gosto de árvores, sobretudo...

- A Não Perder...
...o artigo "Um dia de muitas coisas...a Primavera é assim" no blogue Jardinando sem parar , onde se fala, entre outras coisas, da origem do Dia da Árvore. Por cá, há dois pontos que eu gostaria de sublinhar: - Em primeiro lugar, no que concerne...

- Apap Apoia O Projecto Plantar Portugal
Comecei por me interessar e achar bastante importante o Projecto Limpar Portugal. Colado a este projecto aparece-me o Projecto Plantar Portugal que gostei do nome mas ainda não consegui perceber como funciona. Que árvores vão plantar, como, onde, com...



Plantas








.